• 17/09/2014 – 3 anos sem Bruna e Miriam Baltresca – 3 anos do Movimento Não Foi Acidente

    by  • 17 de September de 2014 • AGENDA • 0 Comments

    Era 17 de setembro de 2011, dias antes, Bruna havia pedido exoneração de um emprego público promissor, iria viajar para a África do Sul como voluntária. Junto com a mãe Miriam Baltresca foi a um shopping em São Paulo, viram os preços das passagens, pegaram um cinema, compraram um livro de presente para Adriana, prima de Bruna que faria aniversário. Saindo do shopping, Marcos Alexandre Martins, embriagado e em altíssima velocidade, as atropelou na calçada. Miriam morreu no local e Bruna a caminho do hospital. Na geladeira da casa dos Baltresca havia um bolo, era para a filha de Manuel Fernandes que tinha feito aniversário naquela semana. Dois dias depois, a família se reuniu para cantar os parabéns. “Ainda hoje, fica difícil comemorar o aniversário da Adriana”, diz Manuel. Miriam deixou um filho, ele é Rafael Baltresca, diante da dor e da perplexidade por perder mãe e irmã em um crime de trânsito, criou o Movimento Não Foi Acidente.

    Quando o que o Império Romano sofria incursões em seus territórios, chama-se invasões bárbaras. No entanto, invasões bárbaras é o que estamos vivenciando ao vermos nossos entes queridos perderem suas vidas devido a violência viária, quando irresponsáveis ao volante fazem de seus carros armas poderosas e perigosas.

    About

    Pedagoga Especializada em Surdez e Psicoeducadora especializada em Teoria, Pesquisa e Intervenção em Luto.

    Leave a Reply

    Your email address will not be published.