• Alex Hausch – 5 anos de saudade

    by  • 28 de July de 2014 • AGENDA • 0 Comments

    Quem é Alex Hasch?

    Segundo Márcia Marzocchi:

    “Alex foi um dos médicos que salvou a vida da Marcela, minha filha. Soube pela mãe dele, Maria Luiza Hausch, que apesar de comentar pouco sobre seus pacientes em casa, ficou muito sensibilizado com a situação da minha filha. Um ano depois foi vítima de um irresponsável e da impunidade! Não foi acidente!”

    Era noite de 28/07/2009, o médico anestesiologista já estava em casa descansando quando a convite de um colega de trabalho foram lanchar. No momento da colisão, eles estavam no interior de um veículo VW/Gol, saindo do estacionamento da Hamburgueria Burgo’s no começo da Av. Hélio Pelegrino, em São Paulo.

    O Citroen C4 dirigido por Rafael Muchon (26), em estado de embriaguez, que segundo testemunhas, participava de um “racha” com um Peugeout/206 vermelho, perdeu o controle até a colisão.

    Presos nas ferragens do carro, Alex morreu na hora e seu colega foi internado em um hospital, com vários traumas.

    Em março de 2012 a Juíza concluiu que o acusado causou a morte e as lesões por “imprudência e imperícia”, pois estava em “velocidade incompatível com a permitida” e com o fato de que estava passando por uma “curva à noite, com o chão úmido de chuva”.

    Rafael Muchon foi condenado a:

    1. Prestação de serviços à comunidade, preferencialmente, junto a entidade que cuidem de vítimas de acidente de trânsito,
    2. Pagamento de 180 salários à família do Alex, e 180 salários ao Dr. Marcos Paes ( colega que estava no carro com o Alex); e
    3. Suspensão da habilitação para dirigir por um ano.

    “Essa condenação não repara a dor da família, a condenação não serve para evitar novos acidentes, em face da gravidade do crime cometido, a pena aplicável deveria ser mais severa” – diz os pais de Alex.

    Quando saiu a condenação, Rafael Muchon já não morava mais no Brasil, os advogados do réu recorrem da sentença.

    Maria Luiza e Erich Hausch sabem que isso não foi acidente, foi crime. Junto com outros familiares de vítimas transformaram o seu luto em luta por leis mais eficazes, conscientização e apoio aos familiares de vítimas.

    About

    Pedagoga Especializada em Surdez e Psicoeducadora especializada em Teoria, Pesquisa e Intervenção em Luto.

    Leave a Reply

    Your email address will not be published.

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.