• Você sabia? “Efeito bebida”

    by  • 10 de February de 2012 • NOTAS, VOCÊ SABIA? • 3 Comments

    Com as altas temperaturas marcadas nos termômetros, um happy hour é sempre bem-vindo. Mas, é neste encontro com os amigos que muitos aumentam o consumo de álcool e, ao invés de voltar para casa em segurança, acabam assumindo, embriagados, o controle de um veículo.
    Para se ter uma ideia, o limite estipulado pela Lei Seca para quem bebe e dirige é de 0,6 decigramas de álcool por litro de sangue. Para calcular a quantidade permitida para o consumo é preciso levar em consideração o peso, a altura e o sexo da pessoa. Além disso, no geral, a metabolização de um copo de chope, uma taça de vinho ou uma dose de 50 ml de destilado, como por exemplo, uísque e aguardente, demora, em média, entre 1h e 1h30. Ou seja, este seria o tempo necessário para poder anular o álcool presente no sangue.
    Assim, quanto maior o consumo do produto, maior o tempo que o organismo exige para a eliminação do mesmo. “Dependendo da quantidade de bebida ingerida, mesmo depois de uma boa noite de sono, a pessoa ainda pode apresentar a substância no corpo e, consequentemente, os efeitos para coordenação e a noção de distância e velocidade”, afirma Rafael Baltresca, palestrante motivacional e idealizador da campanha Não Foi Acidente, que propõe alteração nas leis de transito, exigindo mais punição para os motoristas que dirigem alcoolizados.
    “O ideal é não beber nada alcoólico antes de dirigir. Há diversas pesquisas que indicam que qualquer quantidade de álcool no sangue pode alterar a coordenação motora, principalmente de um motorista, que precisa de atenção redobrada. Consumir bebida alcoólica é assumir o risco de um possível acidente”, conclui.

    Atenção! Atenção! Atenção!

    Faça parte da mudança. Precisamos de 1.300.000 assinaturas para levar nosso projeto ao Congresso Nacional.
    Para assinar a petição que pede penas mais duras para quem dirige embriagado, clique AQUI.

    (Compartilhe o site www.NaoFoiAcidente.org) com seus amigos.

    About

    Equipe Não Foi Acidente - Juntos por um Brasil mais humano, com mais responsabilidade e menos mortes no trânsito. Assine nossa petição!

    http://www.NaoFoiAcidente.org

    3 Responses to Você sabia? “Efeito bebida”

    1. sdalencar
      31 de March de 2012 at 14:02

      Você acha mesmo que Thor Batista, vai realmente ser preso, ou tratado igual a um Thor da Silva qualquer?
      Você acredita que ele não estava bêbado, que realmente foi um acidente?
      Você eu não sei, mas a família dele com certeza acredita que sim.
      Apesar da publicidade que se dá as fiscalizações e autuações realizadas, você acredita que cidadãos
      são tratados iguais aos mais elitizados?
      As leis devem ser criadas para regulamentar um País inteiro, e não somente a população
      menos favorecidas…

    2. Reginaldo - JfMg
      8 de May de 2012 at 4:09

      Opinião Sobre O Transito.
      Olá já assinei, mas só isso não basta só vai aumentar o numero de presos, pois eles vão ser condenados e com o sistema prisional cheio como está essa lei logo vai cair ou vão ter que construir novos presídios ai vai acontecer o que esta acontecendo agora em crimes violentos como não tem mais espaço vai ter fiança ou pena alternativa. Ninguém vai mais preso no Brasil a policia esta omissa as blitz são raras tinha que ser todos os dias e noites e os policiais de serviço a pé ou de viatura passam ao lado de carros estacionados de forma irregular até mesmo em vagas de deficientes e não multam tem varias reportagens sobre isso. O brasileiro é manso só funciona na pressão.
      Em minha opinião as faixas de pedestres tinha que ser mais alta com aqueles tijolos já tem algumas.
      Os motoristas iam diminuir a velocidade e isso ia diminuir muito os atropelamentos e avanço de sinal, pois muitos atropelamentos e acidentes ocorrem durante os dias uteis por qual sã da pressa e não da bebida. Eles não respeitam mais a faixa de pedestre e tem varias reportagens mostrando o perigo que é atravessar na faixa os veículos não param aceleram pra tentar passar ainda no amarelo.
      O numero de acidentes nos dias uteis pela pressa é maior que por bebida. O acidente por bebida é à noite e nos finais de semana e são ser mais graves. Com as fixas mais altas mesmo bêbado ele tem que correr menos. Isso já diminui os números adianta prender depois de matar ou é melhor evitar.
      Outra observação o motorista ao sair de sua rua para entrar em outra eles não pegam a sua mão de direção preferem contar por cima do pare que é contra mão ai vc tá chegando no cruzamento na sua mão de direção ao aproximar do pare vem um veiculo na sua frente na contra mão porque esta cortando encima do pare já deve ter acontecido com vcs né agora imagina alguém de moto nas duas situações. (Eu sugiro que na sua mão a lombada seja uma rampa normal e na contra mão, seja reto não tenha rampa sinalizado em um dia Todos saberiam disso ai ninguém ia fazer isso).
      Então todos perguntam isso vai aumentar o congestionamento eu te digo que não a velocidade é de 40 até 60, com 40 da pra passar muito bem e do jeito que tá um acidente faz parar todo o transito e um congestionamento gigantesco como acontece em São Paulo e outra a cidade não foi feita pra correr não adianta tentar ganhar alguns minutos dirigindo como louco isso só aumenta os estres motoristas nervosos que saiam mais cedo. Já com as lombadas os motoristas nem iam tentar correr.
      Hospitais cheios, alto custo de internação. (Eu gostaria que vcs tentassem mudar o código de transito pra colocar essas lombadas em todas as faixas de pedestres).
      Obrigado Pela Atenção:
      Reginaldo Assis.

    3. weberfilho@bol.com.br
      25 de September de 2012 at 8:36

      Lei seca é lei besta.

    Leave a Reply

    Your email address will not be published.

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.